Carnaval 2023

17/Feb - 25/Feb

Inocentes de Belford Roxo

Biografia

  • Presidente: Reginaldo Gomes
  • Reina de Bateria: Amanda Andrade
  • Carnavalesco: Lucas Milato

LIESA no ha divulgado las informaciones del Carnaval 2022

Pero no se desespere... abajo usted puede comprobar lo que rodó el año pasado.

Información del Carnaval 2022

Grupo Grupo de Acceso
Día de desfile 26/febrero
Hora del desfile 23:15

Tema - Enredo

A Meia-Noite dos Tambores Silenciosos

Sinopsis

A Noite dos Tambores Silenciosos, organizada anualmente no carnaval do Recife, é um rito de preservação da tradição afro-brasileira e um grito urgente pela liberdade de credo. Em pleno século XXI, o povo preto ainda encontra dificuldades de dissolver a ordem hegemônica. Vivemos em uma sociedade racista por estrutura, que esconde os reais obstáculos da resistência. Através da louvação aos Eguns, realizada no Pátio do Terço, a partir da meia-noite, os fiéis podem se conectar com o legado de luta de seus antepassados, sabendo que carregam no sangue e no Orí a bravura daqueles que jamais se curvaram ao opressor. Em determinado momento da cerimônia, um casal de pombas brancas, símbolo que carregamos no pavilhão de nossa escola, é lançado no ar, representando o clamor por dias melhores. O G.R.E.S. Inocentes de Belford Roxo desfila no intuito de amplificar esse pedido. O samba estende a bandeira em reverência ao maracatu. Somos múltiplos retalhos de um mesmo estandarte, cultura afro em movimento. A palavra que vem de nós tem peso e fundamento. Sob o comando de nossos mestres, o som ensurdecedor dos tambores irá ressoar.

Letra de la Samba Enredo

Deu meia-noite no pátio do terço


O velho endereço de novos tambores


Á meia-noite, vestido nas cores da grande nação


No baque virado, remanso das dores


Ecoam clamores por libertação


A escuridão…


Acorda o silêncio, acende a paz


É o vento de Oyá que evoca Egum


São meus ancestrais sob o axé de Olorum.


Ê Luanda, Luandê


O Ilê da minha raça


Sem corrente, nem mordaça


Que prenderam o passado


Ê Luanda, Luandê


Frente à igreja do Rosário


Não há culto proibido


Nem há Deus escravizado


Chama Dona Santa, o espelho de Badia


Pra ver Maracatu estremecer a sacristia


ORA IÊ IÊ, ORA IÊ IÊ


COMO É BONITO MINHA MÃE SEU ABEBE


O baque estanca no terço


O chão parece um altar


Clareia, Clareia…


É Loa de povo preto


É lua pra vadiar


Vadeia, deixa vadiar…


Onde a nossa voz é estandarte


Eu forjei a minha arte


Na justiça de Xangô


Fé reprimida, vidas perdidas


A noite infinda no axé Nagô


OYÁ IGBALÉ OYÁ


SOU EU A VOZ DOS INOCENTES


OYÁ EPARREI OYÁ


A ALMA PRETA SE FAZ PRESENTE

Leer más

Hable con nuestros asesores

Registrese y acceda

Recibir ofertas de billetes, paquetes de hotel, consejos y más para disfrutar del Carnaval de Río.

Logo Cadastur Logo ABAV Logo IATA Logo Embratur Logo Embratur